3D

Fabricantes criam padrão para óculos 3D


Atualmente quem se propõe a adquirir uma TV 3D infelizmente enfrenta um grande inconveniente, pois além do preço “salgado” se o consumidor desejar adquirir óculos extras irá necessariamente precisar adquirir os modelos da mesma fabricante da TV comprada. Obviamente os modelos de óculos concebidos exclusivamente para determinada TV irão trabalhar melhor com ela, mas se o consumidor preferir óculos de outras fabricantes, por que tirar essa liberdade dele?

A Sony, Samsung e Panasonic se uniram para colocar um fim nesse problema. Através da ideia “Full HD 3D Glasses Initiative”, essas empresas possuem intenção de padronizar a frequência em que os óculos 3D operam em suas respectivas TVs. O melhor é que a padronização não ficará restrita apenas às TVs, mas também em computadores e projetores dessas fabricantes que ofereçam suporte a essa tecnologia.

Palavras chaves:

Crysis 2 em 3D impressiona James Cameron

Um dos filmes da geração 3D com mais impacto até hoje foi sem sombra de dúvida, Avatar, o filme de James Cameron que chegou aos cinemas em 2009 e conseguiu mostrar como o 3D deve ser feito em cinema. Os videojogos, que também tentam cada vez mais chamar a atenção dos consumidores com a promessa do 3D, são cada vez mais numerosos. Mas será que estão ao nível do cinema? Segundo uma entrevista recente feita pela Edge a Cevat Yerli daCrytek, estúdios responsáveis por Crysis 2, o 3D deste FPSestá aprovado por James Cameron. “O James Cameron viu oCrysis 2 e adorou o que viu, porque os seus olhos estão treinados para o 3D mais do que qualquer pessoa, e isso confirma que temos uma experiência de topo em 3D para todos os formatos.

Palavras chaves:

3D de qualquer ângulo


Um dos principais problemas dos televisores 3D com tecnologia baseada em LCD é a forma como a imagem fica sincronizada entre os óculos e a tela da TV. Como a velocidade de atualização é insuficiente para um 3D perfeito, qualquer movimento de cabeça prejudica o efeito 3D e causa um embaralhamento temporário das imagens. Algumas pessoas nem percebem essa falha, mas o cérebro sabe: algumas horas de LCD 3D podem dar dor de cabeça e causar fadiga visual.

A tecnologia de ponta da Plasma Viera Full HD 3D é diferente. Como a atualização da tela é ultraveloz (600 vezes por segundo, contra 120 e 240 dos concorrentes), a imagem ganha uma fluidez que se traduz em conforto.

A forma como a imagem é formada na tela também faz toda a diferença.

Palavras chaves:

Subscribe to RSS - 3D

2005-2011 @ Copyright - Marco Sousa